Sexta Jazz Aliança Francesa

Um dos projetos mais consistentes de música instrumental em Florianópolis, o Sexta Jazz Aliança Francesa  já alcançou a marca de 35 edições. Apesar de não ser um estilo musical com grande apelo comercial, o Sexta Jazz chega ao seu quarto ano com uma média de público de mais de 350 pessoas por evento.

Pensado para promover o conhecimento sobre os grandes músicos do jazz no mundo, o projeto conta com a curadoria de Tiê Pereira e Mauro Borghezan, dois dos grandes músicos de Santa Catarina na atualidade.

A cada edição, na Sala Lindolf Bell do CIC (Centro Integrado de Cultura), os curadores contam com a ajuda de músicos  convidados para revisitar a obra de um ícone do jazz  em repertório exclusivamente pensado e estudado  para o evento.

O concerto é precedido por um breve bate-papo em que os músicos apresentam o homenageado, sua história, suas referências, discos, grandes temas e curiosidades. Isso faz com o projeto seja ainda mais admirado pelo público, porque além da qualidade musical, o evento  também se torna um concerto educativo.

 

Edições Realizadas: 2014, 2015 e 2016.

Lei de Incentivo à Cultura (Rouanet)

Patrocínio: Engie

Apoio Cultural: Associação Catarinense de Integração do Cego e Fundação Catarinense de Cultura

Coordenação Geral: Marte Inovação Cultural

Realização: Aliança Francesa de Florianópolis, Ministério da Cultura e Governo Federal