BLOG

Materiais e Notícias
sobre o nosso mundo

Category filter:AllAtualizações e NotíciasCultura
Por enquanto é isso… ;-)
festivarilux.jpg

A Marte é parceira do Festival Varilux de Cinema Francês em captação de recursos. Juntos, desenvolvemos propostas sob medida para patrocinadores interessados em marketing cultural. O festival traz, em todas as suas edições, os novos sucessos do cinema francês acompanhados de um clássico para exibição durante duas semanas em cidades de todo o Brasil.

Maior a cada ano

O Festival é um evento de edição e a cada ano alcança um sucesso maior de público e mídia. Em 2019, na ocasião de sua 10a edição, o Festival esteve presente em 86 cidades / 120 cinemas, angariando um público de 191 mil pessoas. Desde 2017, consagrou-se como o maior festival de cinema francês do mundo. Um enorme sucesso que totalizou uma valoração na mídia espontânea de mais de 21 milhões de reais. A valoração em publicidade foi de 2 milhões de reais, possível por meio das
inúmeras permutas de publicidade vinculadas ao evento. Quando acabar a pandemia, a expectativa é de que o evento supere a marca de 200 mil espectadores.

Programação

A cada ano, a programação é feita com uma seleção de 20 títulos inéditos no país com o melhor da recente filmografia francesa, destacando a diversidade de gêneros – comédia, thriller, filme de autor, drama. Os filmes são representados por uma prestigiosa delegação artística francesa, que participa de eventos e encontros com o público e a imprensa, em São Paulo e Rio de Janeiro. Também são organizadas ações educativas com sessões gratuitas para estudantes em diferentes cidades, sessões de democratização ao ar livre e em espaços alternativos em caráter de gratuidade e/ou a preços populares para intensificar a programação do evento e sua democratização.

O Festival promove também o Laboratório Francobrasileiro de roteiros em parceria com renomados roteiristas franceses. Durante uma semana os alunos exploram a metodologia da construção dramática, aplicando-os no desenvolvimento de projetos concretos de cinema e ficção para televisão.

Oportunidade única para diversificar o marketing mix

Realizado com o apoio da Embaixada da França, da rede de Alianças Francesas do Brasil, o Festival, produzido pela Bonfilm, conta com o patrocínio do grupo Essilor/Varilux e de outras empresas. Por meio de uma excelente exposição da marca, o festival oferece aos parceiros uma campanha de publicidade nos cinemas com impacto garantido junto a um público-alvo qualificado e possibilidades de ações diretas para colaboradores, oportunizando dessa maneira uma maior diversificação das ações de marketing mix da empresa.

Seja um Patrocinador do Festival Varilux
Conheça melhor o Festival

img.jpg

A Marte é parceira do Instituto Gabriel Medina em captação de recursos. Juntos, desenvolvemos propostas sob medida para patrocinadores interessados em ajudar a instituição a seguir o seu trabalho de responsabilidade social através do esporte.

O IGM

Criado do sonho do primeiro brasileiro campeão mundial de surf, junto com a sua família, o Instituto Gabriel Medina (IGM) tem como foco a preparação de novos valores da modalidade, usando o exemplo do ídolo. Criar campeões nas ondas que estejam preparados para o futuro, sejam como competidores ou profissionais atuando no esporte.

A ideia do IGM surgiu antes mesmo da conquista do inédito título mundial, como retribuição do que o surf lhe deu na vida. As atividades foram iniciadas no dia 1º de fevereiro de 2017, na sede construída com recursos próprios, na Praia de Maresias, em São Sebastião, exatamente onde Gabriel Medina aprendeu a surfar.

Apesar do pouco tempo de atividade, o IGM já se tornou referência no Brasil e até no exterior como centro de preparação de alto rendimento para jovens talentos do surf. Os participantes são selecionados no Circuito Medina de Surf e a Instituição oferece, de forma gratuita, a mesma estrutura que hoje Gabriel Medina conta na parte técnica, física e médica, além de garantir aos atletas aulas de idiomas, já visando as trajetórias futuras.

São atendidos atletas dos 10 aos 17 anos, que também recebem alimentação, equipamentos para a prática do surf, como pranchas e roupas de borracha, custeio de viagens para competição, além de outros benefícios como treinamentos de natação e de apneia, apoio psicológico e tratamentos fisioterápico e odontológico.

As únicas exigências são a frequência nos treinos e na escola (no contraturno). A família acredita que o esporte é uma ferramenta social importante, pois exige disciplina, fundamental na educação e mesmo em qualquer carreira que sigam.

Parceria em Captação de Recursos

A Marte é uma das empresas parceiras do IGM em captação de recursos. Juntos desenvolvemos propostas customizadas de aproveitamento comercial em projetos sociais e esportivos do instituto.

Se interessou?

Seja um Patrocinador do Instituto Gabriel Medina
Conheça melhor  o IGM

gramado.jpg

A Marte é parceira do Festival de Gramado em captação de recursos. Juntos, desenvolvemos propostas sob medida para patrocinadores interessados em marketing cultural.

O Festival
O Festival de Cinema de Gramado fez os holofotes se voltarem para a Serra Gaúcha, firmando Gramado como um dos destinos turísticos mais procurados de todo o Brasil e a atração gramadense que mais traz reputação e cobertura de mídia espontânea para o município. Ao longo de sua trajetória, o evento acompanhou todas as fases do cinema nacional, tornando-se pioneiro e referência na realização de eventos do gênero em território nacional. Desde a primeira edição com a consagração de “Toda Nudez Será Castigada”, de Arnaldo Jabor, em 1973, mais de mil Kikitos foram distribuídos entre profissionais do cinema que venceram o Festival em diferentes categorias. Além da celebração da produção brasileira e gaúcha, o evento ainda inclui em sua programação uma mostra competitiva de filmes ibero-americanos desde 1992. Já os troféus Oscarito, Eduardo Abelin, Kikito de Cristal e Cidade de Gramado prestam homenagem a atores, cineastas e personalidades ligadas ao cinema.

 

Como é o Festival de Cinema de Gramado hoje

Hoje em dia, a cidade de Gramado é destino certo para os principais realizadores do audiovisual latino-americano. Ganhar um Kikito significa reconhecimento pelo trabalho. Atores do quilate de Sônia Braga, Othon Bastos e Reginaldo Faria já receberam a estatueta, além de diretores como Bruno Barreto e Pedro Almodóvar.

O Festival geralmente é realizado na segunda quinzena de agosto, praticamente lotando os mais de 14 mil leitos da rede hoteleira. Existem restaurantes da Rua Coberta que chegam a reservar mesa com três meses de antecedência! Tudo para o público acompanhar com conforto o desfile das celebridades.

O Museu do Festival de Cinema de Gramado

Parte da história desse evento está contada no Caminho das Estrelas, a “Calçada da Fama” em frente ao Palácio dos Festivais. Inaugurada em 2006, ela tem as assinaturas de Eva Wilma, Antônio Fagundes e Selton Mello, entre outros nomes do cinema nacional.

Ainda, os visitantes podem conhecer o Museu do Festival de Cinema de Gramado, localizado junto ao Palácio dos Festivais. O espaço reúne documentos, cartazes e fotos que relembram os mais de 45 anos dessa trajetória. Também é possível participar de atividades interativas, como o jogo Você É o Diretor, no qual a pessoa escolhe a história, os personagens e a trilha sonora do próprio filme.

Parceria em Captação de Recursos

A Marte é uma das empresas parceiras do Festival e Gramado em captação de recursos. Juntos desenvolvemos propostas customizadas de aproveitamento comercial no Festival.

Se interessou?

Seja um Patrocinador do Festival de Gramado
Conheça melhor o Festival

 


vivorio.jpg

A Marte é parceira do Vivo Rio em captação de recursos. Juntos, desenvolvemos propostas sob medida para patrocinadores interessados em marketing cultural.

Inaugurado em 2006, o espaço é a principal casa de shows do Rio de Janeiro. Situado no Aterro do Flamengo, no complexo do MAM, seu projeto foi concebido, no início dos anos 50, pelo mítico arquiteto Affonso Eduardo Reidy, um dos pioneiros da arquitetura moderna e considerado uma das joias brasileiras.

Mais de uma década de existência

Da MPB ao Rock, do stand up aos grandes musicais, a casa já divertiu e emocionou mais de 1,5 milhões de pessoas. Ao longo de seus 11 anos de atuação, a casa recebeu shows de grandes nomes da música brasileira e é palco de inúmeros artistas internacionais, se consagrando como um importante espaço de cultura e entretenimento carioca.

Uma casa de todos

Plural em sua essência, o local celebra a diversidade da música brasileira. A versatilidade da casa possibilita diferentes configurações para todos os tipos de espetáculos. Isso garante a nossa excelência em proporcionar ao público, uma estrutura grandiosa que mobiliza inúmeros profissionais a cada evento, promovendo shows e eventos corporativos inesquecíveis. Temos o compromisso em oferecer atendimento de qualidade, desde a chegada à casa, até o encerramento e a saída, em segurança.

Parceria em Captação de Recursos

A Marte é parceira do Vivo Rio em captação de recursos. Juntos desenvolvemos propostas customizadas de aproveitamento comercial nos eventos e projetos oferecidos pelo grupo.

Se interessou?

Seja um Patrocinador do Vivo Rio
Conheça melhor o Vivo Rio

 

 


opus.jpg

A Marte é parceira da Opus Entretenimento em captação de recursos. Juntos, desenvolvemos propostas sob medida para patrocinadores interessados em marketing cultural.

Produzindo entretenimento e grandes espetáculos desde 1976, a empresa também é responsável pelo gerenciamento e operação de oito importantes casas de espetáculo do Nordeste ao Sul do Brasil

A Opus Entretenimento, consagrada entre público, artistas e produtores pela qualidade e diversidade de sua programação, há quatro décadas de intensa e ininterrupta trajetória, com sede em Porto Alegre, também administra oito importantes casas de espetáculos pelo Brasil. São elas: Teatro Bradesco e Teatro Opus (São Paulo/SP), Teatro VillageMall (Rio de Janeiro/RJ), Teatro do Bourbon Country, Teatro Feevale (Novo Hamburgo/RS), Teatro Riachuelo (Natal/RN), Teatro RioMar Recife (Recife/PE) e Teatro RioMar Fortaleza (Fortaleza/CE).

Alguns números

Comprometida com a excelência em todos os projetos em que se envolve, a Opus Promoções contabiliza números expressivos ao longo de sua história:

  • Mais de 14 mil eventos
  • Público de mais de 21 milhões de espectadores
  • São 13.848 lugares distribuídos em 9 casas de espetáculo
  • Potencial máximo de circulação de 41.544 pessoas por dia nos teatros administrados pela Opus
Parceria em Captação de Recursos

A Marte é parceira da Opus em captação de recursos. Juntos desenvolvemos propostas customizadas de aproveitamento comercial nos eventos e projetos oferecidos pelo grupo.

Se interessou?

Seja um Patrocinador da Opus Entretenimento
Conheça melhor a Opus Entretenimento

 

Alguns eventos da Opus

 

Grandes shows internacionais:

Ray Charles, Jose Carreras, Eric Clapton, Mercedes Sosa, Joan Baez, Sting, Oasis, Green Day, Pearl Jam, Shakira, Black Eyed Peas, Alicia Keys, Norah Jones, David Byrne, The Cure, Ravi Shankar, Santana, Elton John, Jamiroquai, Chuck Berry, Buddy Guy, BB King, Stevie Wonder, Jorge Drexler, Julieta Venegas, Yes, Deep Purple, Whitesnake, Judas Priest, Fito Paez, Charly Garcia, Il Volo, Zucchero, Alpha Blondy, The Wailers, Jethro Tull, Nina Hagen, Cindy Lauper, Village People, Stan Getz, Dizzy Gillespie, Paco de Lucia, Art Blakey & The Messengers, John Pizzarelli, Branford Marsallis, Sonny Stitt, Charles Mingus, John McLaughlin, Jean Luc Ponty, Chucho Valdes, Arturo Sandoval, Barry White, Sammy Davis Jr, Peter Cetera, America, Ricky Martin, Justin Bieber, Pet Shop Boys, Mudhoney, Manu Chao, The Offspring, Avril Lavigne, Christina Perri, Icona Pop, Paramore, Evanescence, Dolores O’Riordan, Peter Murphy, Julio Iglesias.

 

Grandes shows nacionais:

Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Milton Nascimento, Ney Matogrosso, Marisa Monte, Gal Costa, Erasmo Carlos, Ivete Sangalo, Maria Rita, Elis Regina, Rita Lee, Lulu Santos, Seu Jorge, Vanessa da Mata, Gal Costa, Elba Ramalho, Zé Ramalho, Zeca Baleiro, Lenine, Jorge Ben Jor, Tom Zé, Toquinho, João Bosco, Simone, Fernanda Takai, Paula Toller, Nando Reis, Arnaldo Antunes, Frejat, D2, Elis Regina, Os Paralamas do Sucesso, Titãs, Skank, Ira!, Kid Abelha, NX Zero, Roupa Nova, Pato Fu, Racionais Mcs, Os Mutantes, Barão Vermelho, Roberto Carlos.

 

Grandes espetáculos de artes cênicas como Teatro, Musicais, Companhias de Dança e Circo:

Marcel Marceau, La Verita, Priscilla A Rainha do Deserto, Alô Dolly, Grupo Corpo, Grupo Galpão, Balé Cisne Negro, Mikhail Baryshnikov, Companhia Antonio Gades, Eva Yerbabuena Ballet Flamenco, Joaquin Cortés, Ballet Kirov, Ballet Real da Dinamarca, Balé do Senegal, Balé do Tahiti, Balé Nacional de Cuba, Mummenschanz, Stomp, Momix, Pilobolus, Kataklò, Complex, Circo Nacional da China, Circo Tihany.

 

Grandes Orquestras:

Orquestra Sinfônica de Israel, Orquestra Sinfônica de Moscou, London Festival Orchestra, Cafe de Los Maestros, Orquesta Buena Vista Social Club, Orquestra de Câmara Checa, Orquestra Filarmônica de Leningrado, OSPA, OSESP, Ray Conniff, Glenn Miller Orchestra.

 


tombrasil.jpg

A Marte é parceira da Tom Brasil em captação de recursos. Juntos, desenvolvemos propostas sob medida para patrocinadores interessados em marketing cultural.

Tom Brasil é uma das mais importantes casas de espetáculos do país. Em mais de 24 anos, mais de 16 milhões de pessoas estiveram em 8.000 espetáculos e eventos corporativos. Localizada na Chácara Santo Antônio, Zona Sul de São Paulo, conta com estrutura completa para receber grandes apresentações nacionais e internacionais, além de eventos fechados, congressos, convenções, projetos culturais com acessibilidade e sustentabilidade.

O espaço de 6.000m² conta com uma sala de espetáculos de 2.400m² sem colunas, seis camarins completos, palco de 400m², sistema de som e iluminação de qualidade, isolamento acústico para realização de mais de um evento simultaneamente, sistema modular para shows intimistas e musicais, sala VIP com jardim de inverno, chapelaria, buffet para eventos corporativos, bar e café e serviço de valet. Todos os ambiente são acessíveis a deficientes físicos, incluindo banheiros adaptados.

Quem já passou por lá

Já passaram pelo palco do Tom Brasil peças de teatro, shows de stand-up comedy, atrações artísticas e shows de grandes nomes da música, como: Seal, Marisa Monte, Ney Matogrosso, Maria Bethânia, The B52’S, Milton Nascimento, Chico Buarque, Tony Bennett, Caetano Veloso, Gal Costa, Jose Carreras, Ringo Starr, The Cult, Rick Astley, BMW Jazz Festival, Samsung Blues Festival, Chick Corea, YES, Kansas, Burt Bacharach, Marillion, João Gilberto, Morcheeba, New Kids on the Block, Joss Stone, Zeca Pagodinho, Beth Carvalho, O Rappa, Barão Vermelho, Jota Quest, Skank, Paralamas do Sucesso, Jamie Cullum, Diana Krall, Julio Iglesias, Liza Minnelli, Paulinho da Viola, Djavan, Gilberto Gil entre outros.

Também passaram pelo Tom Brasil: Bibi Ferreira, Palavra Cantada, Russian State Ballet, 220 Volts, Hiperativo e Minha Mãe é uma Peça (Paulo Gustavo), Turma da Mônica, Batalha de Arroz num Ringue para Dois e Sweet Charity (Claudia Raia), Os Produtores (Miguel Falabella), Cócegas (Ingrid Guimarães e Heloisa Perise), Os Homens são de Marte (Mônica Martelli), Na Mira do Gordo (Jô Soares), A Casa dos Budas Ditosos (Fernanda Torres), Doki, Peppa Pig, entre outros.

Sempre criando valor para marcas

Consumidores escolhem marcas com as quais têm afinidades, marcas que representam seus valores e ambições. Para fazer esta conexão, capturar corações, ouvidos, paladares e mentes, criar relacionamentos baseados pura e simplesmente na emoção, o Tom Brasil apresenta o seu “Cardápio de Oportunidades”.

Parceria em Captação de Recursos

A Marte é uma das empresas parceiras do Grupo Tom Brasil em captação de recursos. Juntos desenvolvemos propostas customizadas de aproveitamento comercial nos eventos e projetos oferecidos pelo grupo.

Se interessou?

Seja um Patrocinador da Tom Brasil
Conheça melhor a Tom Brasil

 

 

 


margarida.jpg

O Projeto Entrelaços é uma mostra itinerante de espetáculos de contação de histórias e atividades lúdicas em escolas, que busca promover o incentivo à leitura, a
preservação da cultura popular, o desenvolvimento criativo e a cidadania em crianças de Santa Catarina. Previsto para ser executado em 2021 em escolas públicas das cidades de Guaramirim, Luiz Alves e Corupá, o projeto conta com o patrocínio do Grupo Lunelli, gigante do setor têxtil catarinense.

Ambiente Lúdico

O evento levará para a escola um dia especial e com cenografia especialmente preparada a partir de tecidos reciclados

Contação de Histórias

A cada edição, um espetáculo de contação de história selecionado proporciona um momento de lazer  e encantamento.

Oficinas com Tecidos

A cada edição, o evento apresenta uma oficina de incentivo à leitura e brincadeiras que estimulem a criatividade e amizade. 

Melhorias de acervos

O projeto selecionará 5 livros de autores catarinenses. Cada escola receberá 5 unidades de cada um, totalizando 25 livros novos para cada biblioteca.

 

Porque contação de Histórias?

Durante muito tempo o ato de contar histórias nas escolas era tido como uma forma de entreter, distrair e relaxar as crianças, e ainda em algumas instituições continua a ser assim. Mas neste século XXI tem ressurgido a figura do Contador de Histórias, ou o Professor/Contador de Histórias, e a sua importância no âmbito educacional e emocional das crianças, com presença certa em bibliotecas, feiras de livros, livrarias e escolas. Esse antigo costume popular pertencente à tradição oral, vem sendo resgatado pela educação como estratégia para o desenvolvimento da linguagem oral e escrita – a formação do leitor passa pela atividade inicial do escutar e do recontar.

De acordo com vários estudiosos a contação de histórias é um valioso auxiliar na prática pedagógica de professores da educação infantil e anos inicias do ensino fundamental. As narrativas estimulam a criatividade e a imaginação, a oralidade, facilitam o aprendizado, desenvolvem as linguagens oral, escrita e visual, incentivam o prazer pela leitura, promovem o movimento global e fino, trabalham o senso crítico, as brincadeiras de faz-de-conta, valores e conceitos, colaboram na formação da personalidade da criança, propiciam o envolvimento social e afetivo e exploram a cultura e a diversidade.

A contação de histórias é uma excelente estratégia para o professor colocar as crianças em contato com boas histórias. Histórias que, além de proporcionar o primeiro contato com os livros de forma agradável, irão distraí-las, levá-las a lugares distantes, onde, através do imaginário e da fantasia, viverão situações, experiências e aventuras das mais variadas possíveis. É com base nessa ideia de utilizar o universo lúdico e a contação de história como forma de promover o amor pela literatura e pelo teatro nas crianças da escola pública, que propomos este projeto.

Espetáculo Selecionado: “A Princesa Margarida: um musical brincante”, da Metamorfose Companhia Cênica
A Princesa Margarida desapareceu! O rei convoca a todos para que venham ajudar a encontrar a princesa. Onde está a Margarida? O espetáculo, com dramaturgia criada a partir da ciranda “Onde está a Margarida” contém muitos elementos dos contos que povoam o imaginário popular, com cantigas e brincadeiras tradicionais. O resgate das brincadeiras populares é o que a montagem propõe de forma bastante interativa

Classificação indicativa: Livre

Projeto Entrelaços
Idealização, Organização e Produção: Marte Cultural

Seja um Patrocinador

sunsetjazz.jpg

O Sunset Jazz Iguatemi foi uma série de concertos que fizeram parte da programação Viver SC em 2019. Se em edições passadas o Viver SC destacou as características únicas de cada região de Santa Catarina, em 2019 o projeto da NSC Comunicação voltou-se às experiências do verão catarinense. Com um novo posicionamento, o Viver SC Verão buscava conectar tanto quem vai para o estado curtir a estação mais quente do ano, quanto quem é catarinense, a momentos que fazem nosso Estado ser referência nacional de lifestyle e qualidade de vida. Em Florianópolis, os palcos para os eventos foram: Jurerê Internacional, a Stage Music Park e o Shopping Iguatemi, e em Balneário Camboriú, a Green Valley. A programação diversificada ofereceu aos catarinenses atrações nacionais e internacionais, sunsets com jazz e blues, espaços gastronômicos e recreação infantil.

Como foi

Fins de tarde embalados por ritmos envolventes e influenciados pelo jazz, com um repertório de clássicos dos maiores nomes do gênero revisitados por artistas catarinenses. O Sunset Jazz Iguatemi reuniu alguns dos principais músicos catarinenses em 5 shows temáticos de variações do jazz e do blues. No repertório, além de muita improvisação, temas inesquecíveis e atuais, de grandes nomes da música como Ella Fitzgerald, Miles Davis, Charlie Parker, Roy Harrgrove, Erykah Badu, Herbie Hancock, Sonny Rollins, Dizzy Gillespie, Hermeto Pascoa, Sérgio Mendes, BB King e Eric Clapton.

Além da boa música, o público também encontrou uma ampla variedade de vinhos e espumantes do The Wine Pub e torneiras de chopp Eisenbahn. — Mais uma vez, o Sunset Jazz Iguatemi vai reunir uma constelação de músicos locais. Eventos como este são um presente para a comunidade e consolidam o shopping como um espaço de lazer para todos os públicos — diz a gerente de marketing Carolina Pajaro.

Sunset Jazz Iguatemi
Produção Musical: Marte Cultural

Seja um Patrocinador

concertosaf.jpg

Parte da programação anual da Aliança Francesa de Florianópolis, os Concertos AF apresentam, a cada ano, diversas apresentações musicais com repertórios ligados à cultura francesa e brasileira. Apesar de ter preferência e abertura especial para concertos eruditos ou instrumentais, essas séries de concertos também apresentam grupos musicais de outras vertentes, como a Música Popular, o Rock e as músicas folclóricas.

Veja abaixo alguns dos concertos que já aconteceram:

 
Bïa

A catarinense Bïa krieger, ou apenas Bïa, como é mundialmente conhecida, com seu show ‘Coeur Vagabond’, se apresentou pelo projeto em 2018. Radicada na França desde a década de 80, Bïa, que nasceu em Santa Catarina em 1967, viveu de perto o período da ditadura militar e, como muitos em sua época, fugiu com a família passando sua infância entre o Chile, Peru e Portugal. Com a anistia retornaram ao Rio de Janeiro, mas logo a inquieta Bïa partiria para Paris, onde finalmente se estabeleceria e começaria sua bem-sucedida carreira musical internacional.

 

Avery Trio e Convidados: La Grande Guerre

Em comemoração ao fim da primeira guerra mundial, que completou 100 anos em 2018, e em homenagem ao dia da França, comemorado em 14 de julho, a Aliança Francesa promoveu em Florianópolis um concerto especial, com o conjunto americano de música de câmara Avery Trio, acompanhado de instrumentistas convidados. No programa, o “Trio em Lá menor (1914)” de Ravel, que tem uma dupla relevância para a comemoração do dia da França, é executado pela formação original do conjunto, Annie Trèpanier (violino), Adriana Jarvis (piano) e Hans Twitchell (violoncelo). Além de ser considerado, por muitos, a melhor obra deste renomado compositor francês, este Trio possui um significado em relação à Primeira Guerra Mundial: Ravel fez o ‘acabamento final’ da obra e logo se inscreveu nas forças armadas em 1915.

 

Concertos AF

Trio Innova

Uma noite musical com a temática do tango em um repertório focado no compositor Astor Piazzolla. Este foi o programa de mais uma edição do projeto “Concertos AF”, realizado pela Aliança Francesa de Florianópolis, e que recebeu o grupo francês Trio Innova, no dia 12 de agosto de 2018, no Teatro Pedro Ivo. Criado em 1999, o Trio Innova é composto pelos músicos David Zambon (tuba), Jean-Marc Fabiano (acordeão) e Patrick Zygmanowski (piano). O que a princípio era uma diversão entre amigos, tornou-se, durante um concerto no Festival “Meetings in Lorraine”, uma verdadeira aventura humana e musical.

 

 

Mathieu Boogaerts

O aclamado cantor, compositor e multi-instrumentista francês Mathieu Boogaerts se apresentou no O Sítio em Florianópolis em 27 de março de 2018. Sua música é conhecida pelo estilo descontraído e uma batida muito leve e delicada, com pitadas de Reggae, Afro-Pop, Indietronica e Folk Music. Com mais de duas décadas de carreira, Mathieu Boogaerts é um criador incansável, um mestre em poesia e um músico fervoroso. Essencialmente minimalista (e reverenciado por Dick Annegarn, Camellia Jordana e Vanessa Paradis), ele conduz o público nas encostas suaves do devaneio. Cantor com carisma discreto e bom humor, ele sempre aborda as sutilezas da vida em seus álbuns.

 

Eva Zaïcik

Revelação da cena lírica internacional, a meio-soprano francesa Eva Zaïcik foi atração dos Concertos AF em 2019. A parisiense apresentou o recital Femmes Amoureuses (Mulheres Apaixonadas), acompanhada pelo pianista paulistano Marco Bernardo. A apresentação aconteceu em 17 de outubro no Teatro Pedro Ivo, abrindo a primeira turnê da artista no Brasil — depois da Capital, ela seguiu para São Paulo, Curitiba e Manaus. No programa, além de Les Nuits d’Été, ciclo de canções do compositor romântico francês Hector Berlioz (1803 – 1869), a cantora interpretou dois dos mais conhecidos momentos do primeiro ato da ópera Carmen, de Georges Bizet (1838-1875): a Seguidilha e a Habanera.

Seja um Patrocinador
Acessar o site da Aliança Francesa Florianópolis

mostraaf.jpg

A Mostra AF de Cinema apresenta, anualmente, um recorte da produção francófona clássica e contemporânea. As sessões, sempre gratuitas, acontecem em locais como o Cinema do Centro Integrado de Cultura e a Fundação BADESC em Florianópolis. Além disso, cineclubes de universidades e centros culturais de outras cidades em Santa Catarina também podem receber a programação.

Apoio da Cinemateca da Embaixada da França no Brasil

Esta mostra tem sua programação viabilizada a partir de uma parceria com a Cinemateca da Embaixada da França no Brasil. Esta instituição possui um acervo de filmes disponíveis para exibições públicas não comerciais e estabelece parcerias com instituições interessadas em divulgar o cinema francês.

Referência e proximidade cultural

Nada como a produção cinematográfica para aproximar culturas e tradições. E quando se fala em França, o cinema logo vem à mente, já que o País é uma referência internacional, com uma produção abrangente e de sucesso em todos os gêneros. E é exatamente com este propósito que a Mostra AF de Cinema.

Alguns destaques  da Programação

Entre os filmes que estiveram na programação de 2018, pode-se destacar o atual, realista e interessantíssimo Petit Paysan (O pequeno Fazendeiro), de Huber Charuel, vencedor do César de Melhor Primeiro Filme em 2017, que teve sua primeira exibição em Santa Catarina na Mostra. O elogiadíssimo Wùlu, “gangster africano” dirigido pelo diretor estreante franco-malinês Daoda Coulibaly, e os clássicos Le Mépris (O Desprezo) de Jean-Luc Godard e Le Salaire de la Peur (O Salário do Medo), de Henri-Georges Clouzot. A animação e crítica social baseada em HQ, Aya de Yopougon (Aya), de Marguerite Abouet e Clément Oubrerie, o documentário Swagger, a biografia musical Barbara, a comédia Ciumenta, de David Foenkinos, além dos dramas Une Vie Violente (Uma vida violenta) e A peine j’ouvre les yeux (Assim que abro meus olhos).

Já em 2019, a seleção apresentou filmes  que evidenciam temas sociais e muito atuais – na França, mas com eco também no Brasil e no mundo: o poder político, a integração, a diferença, a luta por direitos. A curadoria é assinada pela Aliança Francesa Florianópolis em parceria com a Fundação Cultural Badesc a partir do acervo do Institut Français. — A programação mostra várias facetas da sociedade francesa. Do mundo político até a escola pública, passando pela legalização do casamento entre casais do mesmo gênero. Além de mostrar uma realidade de uma sociedade em movimento, também remete à história da França, marcada pelas imigrações e lutas sociais. Na verdade, não é possível entender uma sociedade sem conhecer o seu passado, a sua história — afirmou Solène Leblanc-Maridor, diretora da Aliança Francesa de Florianópolis, no lançamento da Mostra. Outra temática que despontou em três filmes deste ano — À voix haute: la force de la parole, M e Le Poulain é a da voz, do discurso, da forma de falar. — Esse tema tem um sentido especial para Aliança Francesa, que além da programação cultural é um centro de aprendizagem da língua. O que revela a nossa forma de falar? A língua como vetor de emancipação, de exclusão ou de manipulação? — questionou Solène.

Outro destaque foi Le Poulain. Lançado em 2018, o filme é uma comédia ambientada nos bastidores da campanha política na França. O protagonista Arnaud (Finnegan Oldfield), um jovem de 25 anos, sem qualquer experiência profissional ou em política, entra para a equipe de campanha de um candidato à eleição presidencial francesa. Ele fica fascinado pelas técnicas e meandros desse mundo, assim como por Agnès (Alexandra Lamy), a diretora da campanha especialista em comunicação política e que não hesita em virar a casaca se isso servir ao próprio interesse. O diretor, Mathieu Sapin, usou a experiência que ganhou com políticos como François Hollande ou Emmanuel Macron como inspiração — mas garante que a obra é ficção e não tem nada a ver com a experiência pessoal. Sapin, aliás, é conhecido pelo trabalho como autor de história em quadrinhos e o filme é a sua estreia como diretor de cinema.

Mostra AF de Cinema

Organização e Produção: Marte Cultural
Realização: Aliança Francesa de Florianópolis, Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal

Seja um Patrocinador
Acessar a página do Projeto