BLOG

Materiais e Notícias
sobre o nosso mundo


X9A7636.jpg

A abertura do 2º Festival de Circo de Florianópolis contou com o espetáculo do Dalecirco, que fez todo mundo sorrir: dos pequenos até os mais velhos. Teve participação do público, malabares, palhaçada e muito bom humor. Confira algumas fotos!

_X9A7836
_X9A7821
_X9A7814
_X9A7636
_X9A7591
_X9A7681
_X9A7726
_X9A7952
_X9A8124
IMG_5638
IMG_5692
IMG_5681
IMG_5760
IMG_5940
IMG_5927
IMG_5621
IMG_5637
IMG_5427
_X9A8062
_X9A8081
_X9A7836
_X9A7821
circoamarillo-1200x675.jpg

Na programação estão 16 grupos convidados de estados como Santa Catarina, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul

Democrático e gratuito, o Festival de Circo de Florianópolis chega a sua segunda edição. Com data marcada para acontecer entre 20 e 29 de outubro, o público poderá conferir as apresentações em diversos locais da cidade: Floripa Shopping, Teatro Pedro Ivo, Teatro Álvaro de Carvalho, Centro Histórico e Parque Jardim Botânico. Com atrações diversas, a programação do Festival conta com espetáculos de curta e longa duração, de artistas locais e nacionais, distribuídos entre linguagens de palhaçaria, acrobacias, mágicas e malabarismo. 

Entre os grupos convidados está o Circo Amarillo de São Paulo, companhia fundada em 1997 e referência da linguagem do circo contemporâneo na América do Sul, com os espetáculos “Experimento Circo”, no dia 22 e “Clake”, no dia 23, que mesclam linguagens de expressão teatral, música, dança e técnicas circenses. 

De acordo com o diretor e ator da Cia, Marcelo Lujan, eventos que promovem e democratizam a arte circense são fundamentais para incentivar os artistas e atrair novos públicos. “É muito importante ter festivais como esse para fortalecer a arte circense. Estamos muito felizes em poder encontrar o público novamente”.

 

Do circo tradicional ao contemporâneo: programação para todos os públicos

A Cia dos Palhaços vem do Paraná para encenar o “Concerto em Ri Maior”, uma comédia musical que surgiu em 2005, a partir de jogos de improvisação de palhaço com a música. Do Rio Grande do Sul, no dia 28, o grupo Máscaras EnCena apresenta “Bando”. “La Perseguida” é o espetáculo do grupo Teatro VagaMundo, que através do Palhaço Rabito incentiva a interação com o público.

Os artistas circenses de Santa Catarina ganham destaque na programação. O Grupo Circar com o espetáculo “Iminência do Agora”, Cia Pé de Vento apresenta sua nova comédia “Desajustada”, a Cia Mútua traz o “Le Cirque de Pulgué”, Jorian Peçanha com “Show de Mágicas e Ilusionismo”, Companhia Lona Azul com “Gran Circo” e Diogo Álvares com “Mundo Mágico”, além do “Espetáculo de Encerramento”, com a Circocan.

Além dos espetáculos, a segunda edição do Festival de Circo de Florianópolis oferece vivências circenses, a partir da parceria das principais escolas de circo da região e para democratizar o universo do circo, alguns espetáculos serão apresentados em escolas municipais afastadas do centro da cidade.

É com esse espírito de diversidade e amor às pessoas que retomamos a realização de um festival único em Florianópolis. Um evento pensado para potencializar a ocupação da cidade pelas artes do circo em suas variadas tendências”, afirma Tailor Morais, diretor de programação da Marte Cultural, idealizadora do evento. Diante do sucesso da primeira edição realizada em outubro de 2019, a expectativa é que a segunda beneficie um público superior a 10 mil pessoas. 

O Festival de Circo de Florianópolis é patrocinado pelo município de Florianópolis e pela Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura nº 3659/91. Apoio cultural do Floripa Shopping e Hotel Porto da Ilha. Idealização, Organização e Produção da Marte Cultural. Para mais informações, acesse o site oficial: www.floripacirco.com.br