BLOG

Materiais e Notícias
sobre o nosso mundo


ecomusica-1200x675.jpg

Quando?

De 5 a 9 de junho de 2024

Onde?

Florianópolis e São José

Florianópolis e São José receberam o Festival Armacell EcoMusica, que relembra os 30 anos de saudade de Tom Jobim. Além do pianista e curador paulista Fabio Caramuru, idealizador da proposta, os espetáculos tiveram participação do maestro, pianista, cantor e pesquisador Marco Bernardo (SP); do pianista e maestro catarinense Luiz Gustavo Zago; do contrabaixista Tiê Pereira; do baterista Richard Montano e da cantora Claudia Bossle.


NEWSLETTER

Esteja sempre por dentro da nossa programação

Receba nossas atualizações por e-mail.

ASSINAR NEWSLETTER

Follow us

Encontre nossas últimas atualizações

dct-maio-1-1200x675.jpeg

Com entrada gratuita e acessibilidade, as apresentações ocorrem todos os domingos no Villa Romana Shopping, em Florianópolis A AtrapaTrupe vai iniciar as apresentações de julho, no dia 7, com “As Estações”: uma interpretação do conto da Cigarra e da Formiga, do escritor grego Esopo. Nele, o Sr. Cigarra passa os verões cantando e a Dona Formiga, trabalhando. Chegado o inverno, ele precisa da ajuda dela para renovar suas energias. A apresentação promete trazer muita reflexão. Já no dia 14, o mágico Sandro Spigolon vai dar um show em a ”Magia do Riso”. Serão números musicais de mágicas de transformação, aparecimento e desaparecimento, pirogamia, manipulação de objetos e aparelhos. Tudo de forma interativa, com participação do público no palco, incluindo diversos efeitos de previsão, levitação com humor e comicidade. O grupo Ospália apresenta “Pacacoenco” no dia 21. A apresentação promete desbravar o interior da geografia mundial e do coração humano. A plateia verá o palhaço Pacacoenco, que chega a uma cidade e acha seu espaço, onde fará atividades do seu cotidiano. Ele vem com a sua bagagem cheia de truques e amor para toda a família curtir o momento. No último espetáculo do mês, no dia 28, o público conhece a história “Gaia, a Fada Aurtista”. A obra da escritora e atriz Fernanda Garcia mostra a fada Gaia, que vive com o Espectro Autista em um mundo mágico, onde ser diferente é natural e a inclusão é a magia mais poderosa de todas. Gaia leva o público a celebrar a diversidade em uma jornada sobre inclusão, experiências e descobertas; além de ensinar sobre compreensão, respeito e amor. Todas as apresentações contarão com tradução simultânea em Libras, e o espetáculo do dia 28 de julho conta com audiodescrição ao vivo.  

07/07 – AtrapaTrupe – “As Estações” | LIBRAS

Toda a família vai reviver a história do Sr. Cigarra e da Dona Formiga. Mas, desta vez, a história antiga traz uma nova lição. Será o Sr. Cigarra um preguiçoso fanfarrão que vive cantando, ou terá um papel importante para o equilíbrio da vida dos insetos?  

14/07 – Sandro Spigolon – “A Magia do Riso” | LIBRAS 

O show do mágico Sandro Spigolon desenvolve, de forma descontraída e interativa, diversos números, como a transformação, aparecimento e desaparecimento. São habilidades mágicas para ver e participar, pois o mágico vai chamar o público para o palco. Pura diversão!  

21/07 – Ospália – “Pacacoenco” | LIBRAS

Com muita interação entre Pacacoenco e plateia, a performance mostra um dia na vida de um palhaço mambembe, que chega uma cidade e acha seu espaço, faz coisas triviais como varrer, comer e beber e finalmente vai ao encontro do seu público num extraordinário número: Voar!  

28/07 – Fernanda Garcia – “Gaia, a Fada Aurtista” | LIBRAS e audiodescrição ao vivo

O espetáculo leva o público à jornada da fada Gaia: ela vive num mundo mágico e mostra que a verdadeira magia está em aceitar e celebrar exatamente quem somos. Ainda, através do olhar gentil e único de Gaia, é abordado o Espectro Autista e descobre suas características especiais com ternura e carinho. Cada traço único é abraçado com amor, desde as sensibilidades sensoriais até os desafios do dia a dia que moldam suas jornadas.
dct-maio-1200x675.jpeg

Quando?

2, 4, 9 e 11 de maio de 2024

Onde?

Criciúma, Florianópolis, Blumenau e Joinville

Com especial John Coltrane, a Tournée AF 1ère édition homenageou o artista norte-americano considerado como um dos mais importantes jazzistas e compositores do gênero de todos os tempos.


NEWSLETTER

Esteja sempre por dentro da nossa programação

Receba nossas atualizações por e-mail.

ASSINAR NEWSLETTER

Follow us

Encontre nossas últimas atualizações

dct-maio-4-1200x675.jpg

/*! elementor - v3.20.0 - 26-03-2024 */ .elementor-widget-text-editor.elementor-drop-cap-view-stacked .elementor-drop-cap{background-color:#69727d;color:#fff}.elementor-widget-text-editor.elementor-drop-cap-view-framed .elementor-drop-cap{color:#69727d;border:3px solid;background-color:transparent}.elementor-widget-text-editor:not(.elementor-drop-cap-view-default) .elementor-drop-cap{margin-top:8px}.elementor-widget-text-editor:not(.elementor-drop-cap-view-default) .elementor-drop-cap-letter{width:1em;height:1em}.elementor-widget-text-editor .elementor-drop-cap{float:left;text-align:center;line-height:1;font-size:50px}.elementor-widget-text-editor .elementor-drop-cap-letter{display:inline-block}

Serão três apresentações — uma em Florianópolis, no Teatro Ademir Rosa; e duas em São José, no Teatro Hermelinda Izabel Merize (Centro Multiuso) — com repertório que celebra a obra do mais importante nome da música brasileira, em diálogo com sons da natureza

Pela primeira vez, Florianópolis e São José recebem o Festival Armacell EcoMúsica, projeto itinerante que, em 2024, relembra os 30 anos de saudade de Tom Jobim (1927-1994). Em Santa Catarina, estão programados três concertos e uma masterclass, entre os dias 5 e 9 de junho, todos com entrada gratuita. O festival segue para a capital paulista em agosto, onde terá uma edição no Auditório do Museu de Arte de São Paulo (MASP). 

Além do pianista e curador paulista Fabio Caramuru, idealizador da proposta, os espetáculos terão participação de grandes virtuoses como convidados, entre eles o maestro, pianista, cantor e pesquisador Marco Bernardo, de São Paulo;  o pianista e maestro catarinense Luiz Gustavo Zago; o contrabaixista Tiê Pereira; o baterista Richard Montano e a cantora Claudia Bossle. Todas as apresentações terão projeções de videoarte assinadas pela artista Ciça Lucchesi.

O Festival já foi realizado em outros estados brasileiros. A primeira edição foi em dezembro de 2022, quando levou a EcoMusica de Fabio Caramuru para o famoso Teatro Amazonas, de Manaus (AM). “A EcoMusica é criada a partir de um diálogo com a natureza, especialmente a partir do som dos pássaros e das cigarras”, explica Caramuru, diretor musical do evento.  Em 2024, o projeto incorpora composições de Tom Jobim apresentadas por diferentes músicos e formações.  

“Tom Jobim era um grande defensor da natureza, talvez um dos primeiros músicos do Brasil a serem atuantes na defesa do meio ambiente. Eu particularmente me identifico com a obra do Tom e entendi que seria interessante um diálogo entre o repertório dele e a EcoMusica”, afirma o pianista. 

Caramuru, por sua vez, é o nome por trás da EcoMusica. Além de aclamada e premiada carreira como pianista clássico, é reconhecido por ser um visionário na fusão de música e ecologia. O projeto EcoMusica abrange as composições do pianista que são como sinfonias entre o piano e sons da fauna brasileira. 

 

Estreia em SC será em Florianópolis em 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente

A estreia do festival em Santa Catarina será no dia 5 de junho, no Teatro Ademir Rosa (CIC), na Capital, com Brasil em Dois Pianos. No espetáculo, os pianistas Fabio Caramuru e Marco Bernardo apresentam músicas do repertório mais popular de Tom Jobim. 

Alguns dos arranjos, assinados pelo pianista, compositor, cantor e pesquisador Marco Bernardo, foram pensados para dois pianos e prometem preencher todos os espaços do principal teatro do Estado. No repertório estão composições icônicas de Tom Jobim e alguns de seus parceiros, como Vinicius de Moraes e Radamés Gnattali. Além de música, o concerto também terá projeções de entrevistas com Tom Jobim e outros artistas. 

Em Florianópolis também será realizada uma masterclass no dia 8 de junho, ministrada por Fabio Caramuru. A aula será das 16h às 19h, no Centro de Artes (Ceart) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e é gratuita. As inscrições podem ser feitas pelo Sympla (25 vagas). 

 

Teatro do Centro Multiuso de São José terá duas apresentações, dias 7 e 9 de junho

Em São José, o Festival Armacell EcoMúsica realiza dois concertos. No dia 7 de junho, o Teatro Hermelinda Izabel Merize, localizado no Centro Multiuso, recebe o Especial Tom Jobim, uma homenagem ao músico carioca com um dos grandes virtuoses da cena instrumental do Sul do país: o pianista Luiz Gustavo Zago. 

O maestro catarinense será acompanhado de Tiê Pereira no contrabaixo, Ana Luiza Remor na flauta, Raphael Buratto no violoncelo e Richard Montano na bateria. A cantora Claudia Bossle vai acompanhar o trio. A apresentação será uma imersão na obra atemporal de Tom, com clássicos como Garota de Ipanema e Wave

O encerramento do festival  terá o espetáculo Vozes da Natureza, com destaque para o pianista Fabio Caramuru, no domingo, dia 9 de junho. Trata-se de um experiência inovadora na qual o músico apresenta uma celebração da natureza por meio da música. 

No programa está a EcoMusica, composições de Caramuru criadas a partir dos sons coletados na natureza: amostras de sons do ambiente natural que representam o princípio gerador de sua obra. Ao longo do espetáculo, que terá a participação especial do contrabaixista catarinense Tiê Pereira, e da cantora Jéssica Pereira, o músico apresenta diálogos entre sua criação e algumas peças de Tom Jobim. A apresentação terá ainda recurso de videoarte de Ciça Lucchesi, projetada em sincronia com a dinâmica dos sons. 

Concerto no MASP, em São Paulo, será em agosto

Depois de Santa Catarina, o festival segue para São Paulo, em 6 de agosto, com o concerto Tom Jobim, 30 Anos de Saudade, no MASP. Fábio Caramuru apresenta composições atemporais de Tom: uma jornada musical pelos clássicos e outras peças do seu projeto EcoMusica. A apresentação terá ainda recurso de videoarte de Ciça Lucchesi, projetada em sincronia com a dinâmica dos sons.

Tom Jobim: 30 anos de saudade

A homenagem a Tom Jobim na edição 2024 do Festival Armacell EcoMúsica está em sintonia com os 30 anos de saudade — o artista morreu em dezembro de 1994, aos 67 anos. Tom  foi um dos mais importantes artistas da música brasileira e uma unanimidade entre críticos e público em termos de qualidade e sofisticação musical.  Maestro, pianista, cantor, violonista e compositor, era apaixonado pela Mata Atlântica e imortalizou o amor pela natureza e pela cidade do Rio de Janeiro em canções que ganharam o mundo.

“Jobim foi um compositor que sintetizou todo o imaginário popular brasileiro de uma forma palatável, porque chegou ao grande ao público, ou seja, não ficou restrito à música erudita que é apreciada por um público mais segmentado. O Maestro Soberano chegou a todo o mundo”, diz Fabio Caramuru. Além de ter sido um dos principais nomes da bossa nova, Jobim também trabalhou com vários estilos e gêneros brasileiros: do choro ao samba, o samba-canção, a bossa e até as modinhas.

O Festival Armacell EcoMúsica é um projeto viabilizado pelo Ministério da Cultura e Governo Federal por meio da Lei de Incentivo à Cultura. Patrocínio da Armacell. Apoio da Fundação Catarinense de Cultura, Governo de Santa Catarina, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de São José e Prefeitura Municipal de São José (SC). Realização da Echo Promoções Artísticas e produção da Marte Cultural.

 

Programação

Festival Armacell EcoMúsica | Brasil em Dois Pianos
5 de junho, às 20h30
Teatro Ademir Rosa, no CIC (Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5.600 – Agronômica, Florianópolis)
Gratuito. Ingressos devem ser reservados pelo Sympla
Classificação livre
 
Festival Armacell EcoMúsica | Especial Tom Jobim
7 de junho, às 20h30
Teatro Hermelinda Izabel Merize, no Centro Multiuso de São José (Av. Acioni Souza Filho, s/n – Campinas, São José)
Gratuito. Ingressos devem ser reservados pelo Sympla
Classificação livre
 
Festival Armacell EcoMúsica | Masterclass com Fábio Caramuru
8 de junho, das 16h às 19h
No Ceart, da Udesc (Av. Me. Benvenuta, 1907 – Itacorubi, Florianópolis)
Gratuito mediante inscrições pelo Sympla
 
Festival Armacell EcoMúsica | Vozes da Natureza
9 de junho, às 17h
Teatro Hermelinda Izabel Merize, no Centro Multiuso de São José (Av. Acioni Souza Filho, s/n – Campinas, São José)
Gratuito. Ingressos devem ser reservados pelo Sympla
Classificação livre
 
Festival Armacell EcoMúsica | Tom Jobim 30 anos de Saudade
6 de agosto, às 20h30
Auditório do Museu de Arte de São Paulo – MASP (Av. Paulista, 1578 – Bela Vista, São Paulo – SP)
R$ 10 / R$ 5 (meia). Ingressos devem ser reservados pelo Sympla 
Classificação: 10 anos

 

dct-maio-2-1200x675.jpg

Quando?

4, 5, 6 e 7 de abril de 2024

Onde?

Blumenau, Criciúma, Florianópolis e Joinville

Uma noite de cultura, intercâmbio e boa música com Camille Bertault, uma das mais importantes vozes do jazz europeu!


NEWSLETTER

Esteja sempre por dentro da nossa programação

Receba nossas atualizações por e-mail.

ASSINAR NEWSLETTER

Follow us

Encontre nossas últimas atualizações

dct-maio-1-1200x675.jpg

Quando?

23 de maio de 2024

Onde?

Villa Romana Shopping

O Sexta Jazz AF | Especial Erykah Badu celebrou a rainha do neo soul. A cantora norte-americana entrou na cena musical nos anos 1990 e se tornou um farol de autenticidade, criatividade e inovação. Para interpretar alguns dos grandes sucessos de Erykah Badu, o palco recebeu a cantora Jessica Pereira.